Mato Grosso, Domingo, 23 de Janeiro de 2022     
Novo Portal
Unemat Editora lança novas obras digitais com acesso gratuito
E-BOOKS
Unemat Editora lança novas obras digitais com acesso gratuito
22/06/2021 19:24:48
por Lygia Lima
Foto por: Design Unemat

A Editora Unemat comunica o lançamento de novos e-books que podem ser baixados gratuitamente. Neste primeiro semestre de 2021, mesmo com a pandemia, a Unemat disponibiliza para a comunidade acadêmica e em geral seis obras com temas diversificados. O catálogo completo de obras da Editora Unemat pode ser conferido aqui

Confira abaixo os lançamentos:

História e Historiografia da Educação no Centro-Oeste e Norte Brasileiro: entre pesquisas, formação docente e práticas educativas

Organizadores: Nilce Vieira Campos Ferreira, Neil Franco e Paulo Sérgio Dutra.

A obra é fruto de pesquisa de um grupo de pesquisadores  vinculados a diferentes Programas de Pós-Graduação do Centro-oeste e Norte do país que estudam a formação docente e praticas pedagógicas e pesquisas em educação.  No livro é possível encontrar o resultado de pesquisas sobre a história e a historiografia da educação no Centro-Oeste e Norte brasileiros dialogando com temas ligados à educação das mulheres; ao meio rural e a formação ofertada nessas regiões para docentes e as infâncias; políticas públicas para formação e qualificação do magistério rural; reflexões sobre o contexto escolar e os diversos demarcadores de gênero; educação para os negros e quilombos; educação em comunidades em isolamento e de conflito e educação no ensino superior considerando questões que emergem entre os gêneros.

Os organizadores defendem a premissa de que sem investimento não se faz pesquisa que transforma, que muda, que propicia desenvolvimento ao Centro-Oeste e Norte brasileiros e ao Brasil como um todo.Número de páginas: 230 p..

História da Educação em Trilhas e Centelhas no Centro -Oeste e Norte Brasileiros

Organizadores: Josemir Almeida Barros, Sandra Cristina Fagundes de Lima e Carlos Edinei de Oliveira

Esta obra instiga refletir sobre problemas que incomodam jovens e veteranos, investigadoras e investigadores no campo da educação que se ocuparam com a arte da escrita acadêmica foi e é algo primordial. O livro busca estabelecer um sistema compreensivo de ideias, conceitos e modos de identificação, recolha, sistematização e categorização de dados de campo, teóricos e temáticos, admitiu, portanto, a composição de centelhas científicas que compõem a obra. Maneiras de fazer as coisas talvez sintetize a expertise, as trocas de experiências, o planejamento e, consequentemente, a escrita no campo da Educação. É verdade que a escrita torna a elocução visível, contudo, não de uma mesma forma, pois uns fazem desenhos, outros gravam sílabas e diversos tornam manifestas as palavras que traduzem as pesquisas que realizam. História da Educação em trilhas e centelhas no Centro-Oeste e Norte Brasileiros carrega diversos propósitos, entre eles destacamos importantes vínculos com testemunhos, memórias de experiências e consequentemente a elaboração de críticas a partir das investigações de professoras e professores que atuam em diversas e importantes instituições de ensino. Número de páginas: 286 p..

Leituras Urbanas: Experiências de Urbanizações em Mato Grosso

Organizadora: Gisele Carignani.

Este livro reúne, em 9 capítulos, os resultados de teses de doutoramento, defendidas no Curso de Doutorado Interinstitucional – DINTER, realizado entre 2011 e 2015, envolvendo a Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT, a Universidade do Estado de Mato Grosso - UNEMAT e o Programa de Urbanismo – PROURB – da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ.

Ao reunir diferentes trabalhos em torno do eixo temático “Urbanismo”, o livro agrega visões sobre o processo de urbanização ocorrido em Mato Grosso, visto por diferentes prismas, envolvendo as facetas de formação das primeiras cidades mato-grossenses, o papel do fator fundiário no povoamento e formação urbana, as políticas de estímulo ocupacional e expansão urbana da segunda metade do século XX, a precariedade dos assentamentos urbanos, as questões climáticas ambientais e o confronto entre o rural e o urbano nas aldeias indígenas do século XX.

O trabalho coletivo, aqui apresentado, oriundo do desenvolvimento de pesquisa e análises acadêmicas, envolve posições individuais, compartilhadas e, sobretudo, complementares, que permitem ao leitor traçar um quadro analítico da marcha ocupacional mato-grossense e reconhecer o impacto das diferentes experiências locais de urbanização no processo de desenvolvimento do estado. Esses estudos permitem, também, embasar novas pesquisas sobre a temática.Número de páginas: 185 p..

Caderno de Receitas da Cesta da Reforma Agrária

Organizadores: Cristiane Regina do Amaral Duarte, José Roberto Rambo e Carolina Tito Camarço.

O “Caderno de Receitas da Reforma Agrária” traz uma variedade de receitas que carregam, em sua essência, a valorização do trabalho do agricultor assentado e da política de Reforma Agrária.

O caderno, organizado pelos coordenadores do projeto de Extensão “Receitas da Reforma Agrária: da nossa terra para a nossa mesa” da Universidade do Estado de Mato Grosso, apresenta receitas de vários autores, pessoas da comunidade Tangaraense, das mais variadas profissões, além de agricultores assentados, que já tinham paixão pela arte culinária ou que tiveram que se reinventar na cozinha pela condição imposta pela COVID-19 no ano de 2020.

A maioria dos ingredientes agrícolas utilizados nas receitas foi produzida no Assentamento Antônio Conselheiro, do município de Tangará da Serra, e comercializada na ação de extensão “Cestas da Reforma Agrária”, que oferecia cestas com produtos do assentamento de modo a melhorar a renda dos agricultores assentados. O projeto das receitas surgiu como divulgação das cestas, mas ganhou força e, agora, o apresentamos em formato de caderno de receitas. Esperamos que desfrutem das receitas, saberes e sabores. Número de páginas: 30 p..

FANTASMAS EM VILA MARIA

Autor: Agnaldo Rodrigues da Silva

Cáceres é um celeiro de artistas. É fato! Pensar na cena teatral na nossa cidade requer pensar em aspectos vários da história cultural do município. Temos na cronologia movimentos teatrais que dialogaram com o clássico, com a modernidade, o religioso e uma cena universitária que causou a efervescência artística nos idos da década de 1990/2000, com notável presença da Universidade do Estado de Mato Grosso.

A partir de 2011, estudantes de uma nova geração, pensando um teatro alternativo de resistência e ocupação de espaços, como quadras, ruas e praças, fez com que o Teatro Plenilúnio entrasse em cena na Princesinha do Paraguai. Número de páginas: 122 p.

Gestão de Instituições de Ensino Superior (IES) com base em Estudos Avaliativos: o caso da Universidade do Estado do Mato Grosso (Unemat)

Organizadores: Wagner Bandeira Andriola, Sueli Maria De Araújo Cavalcante e Gustavo Domingos Sakr Bisinoto.

A obra que está organizada em oito eixos temáticos resulta do trabalho intelectual de 15 profissionais da Universidade do Estado do Mato Grosso (Unemat), que resistiram bravamente às agruras, intempéries, obstáculos e dificuldades típicas de aprendizes em formação.

No Eixo I discutiu-se o ingresso e a permanência dos alunos na graduação e se compôs de três artigos. O Eixo II tratou da Evasão do Alunado de Graduação e abarca três artigos. O Eixo III abordou a Assistência Estudantil, com um artigo. O Eixo IV enfatizou a Avaliação de Desempenho através de dois artigos. O Eixo V focou Ações de Controle Interno e Accountability através de três artigos. No Eixo VI houve ênfase sobre Custos Institucionais, através de um artigo. O Eixo VII abordou a Governança dos Serviços de Tecnologia da Informação (TI) através de um artigo. Por fim, o Eixo VIII versou sobre o Assédio Moral.

Os organizadores da obra, destacam a necessidade de agradecer aos dois reitores que, em meados de 2018, anteviram esse momento e Referem-se a professora Ana Maria Di Renzo, então reitora da Unemat e ao professor Henry de Holanda Campos, então reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC). Estas duas personalidades conseguiram dar forma a uma ideia utópica, que agora se revela à sociedade e à academia, dada a sua relevância. Nessa esteira, há de se realçar a continuidade e o total apoio que o atual reitor da Unemat, o professor Rodrigo Bruno Zanin, sempre brindou a essa particular ação interinstitucional de formação. Expressamos, portanto, nosso reconhecimento, respeito, admiração e afeto aos três Reitores aqui mencionados. Desejamos agradável leitura aos interessados nas temáticas acima referidas. Número de páginas: 296 p.

 

 

Salvar esta página   Imprimir notícia   Enviar notícia por e-mail Visitas: 24284 | Impressões: 25785
Compartilhar no Facebook

Notícias relacionadas

  • Nenhuma notícia relacionada

Rede Social


Copyright 2022 - Universidade do Estado de Mato Grosso
Av. Tancredo Neves, 1095 - Cavalhada III
78217-900 - Cáceres - Mato Grosso
PABX +55 (65) 3221-0000