Mato Grosso, Sábado, 06 de Junho de 2020     
Comitê Acompanhamento COVID
Durante pandemia, Enfermagem da Unemat colabora com combate a Covid-19
DIA DA ENFERMAGEM
Durante pandemia, Enfermagem da Unemat colabora com combate a Covid-19
12/05/2020 14:54:16
por Assessoria de Comunicação
Foto por: Moisés Bandeira

Neste dia 12 de maio celebramos o Dia Internacional da Enfermagem, da Enfermeira e do Enfermeiro. A data é uma homenagem à britânica Florence Nightingale, pioneira da enfermagem moderna, que nasceu em 12 de maio de 1820.

A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) oferta três cursos presenciais de Bacharelado em Enfermagem, com entrada contínua, nos câmpus universitários em Cáceres, Diamantino e Tangará da Serra. E, em tempos de crise da pandemia do novo coronavírus, os cursos de Enfermagem da Unemat se provam cada vez mais fundamentais no combate à Covid-19 no Estado de Mato Grosso.

 

Enfermagem Unemat no combate à Covid-19

Em Tangará da Serra, professores da Unemat integram e assessoram o Comitê de Crise para o enfrentamento ao coronavírus com informações técnicas e científicas. A ideia é ajudar nas tomadas de decisões e medidas sanitárias para o enfrentamento da pandemia.

A professora Ana Cláudia Pereira Terças Trettel, doutora em Medicina Tropical com ênfase em Virologia pela Fundação Osvaldo Cruz, atua diretamente no enfrentamento ao coronavírus no âmbito do município e também da Unemat. A pesquisadora da Unemat tem sido consultada por diferentes canais da imprensa para compreender o comportamento da doença no Estado.

Além da professora, outros 16 docentes também se colocaram à disposição para ajudar neste momento de forma voluntária ao município, sendo 12 do curso de Enfermagem e cinco do curso de Biologia. Os professores da Unemat devem atuar em treinamento para equipes e profissionais de saúde, orientação sobre medidas a serem adotadas, em laboratórios e no atendimento direto a população.

 

Enfermagem Unemat na conscientização sobre a Covid-19

A Unemat reforça em suas redes sociais as orientações de combate a Covid-19. A iniciativa é da Faculdade de Ciências da Saúde (Facis) de Cáceres em parceria com a Assessoria de Imprensa, que pode ser acessada clicando aqui.

As postagens trazem informações básicas sobre a doença, de quando e onde procurar ajuda, quais são os principais sintomas da Covid-19 e como ela é transmitida, a importância do isolamento social, e o uso de máscara. A ideia do corpo docente é contribuir no combate à pandemia.

Acompanhe as redes sociais da Unemat:

Unemat Oficial no Facebook

Unemat Oficial Instagram

A Unemat em Tangará da Serra também desenvolveu um kit educativo de higiene e prevenção de doenças para crianças e adolescentes. Intitulado ‘Tá na mão’, o kit foi criado pelo professor do curso de Letras, Robson Rocha, e contou com a colaboração da professora de Enfermagem, Ana Cláudia Pereira Terças Trettel.

Saiba mais sobre o kit educativo clicando aqui.

O curso de Enfermagem de Cáceres também produziu um vídeo com prevenção à Covid-19.

Assista aqui:

 

Unemat no auxílio aos enfermeiros e enfermeiras

A Unemat está produzindo protetores faciais para enfermeiras, enfermeiros e outros profissionais de saúde que trabalham no combate ao coronavírus em Mato Grosso. Os protetores são feitos por impressoras 3D no câmpus de Barra do Bugres, Cáceres e Sinop, com a aquisição de material acetato por meio da Fundação de Apoio ao Ensino Superior Estadual (Faespe). Cada modelo demora em torno de uma hora para ficar pronto. Com isso, uma impressora 3D consegue fazer entre 12 e 15 unidades por dia.

450 protetores faciais já foram entregues a hospitais e unidades de saúde localizados nos municípios de Barra do Bugres, Cáceres, Colíder, Itaúba, Nova Mutum, Nova Santa Helena, Sinop, Sorriso e Tangará da Serra.

Para quem está na linha de frente, um auxílio para maior segurança. “Vivemos um momento muito difícil. Sempre tivemos uma parceria muito forte com a Unemat e isso só vem acrescentar. Serão de nosso uso e vai beneficiar todos nós, os pacientes e a população de Cáceres”, disse a enfermeira Jardiane Cintra Pires, que atua no Hospital Regional de Cáceres.

 

Dia da Enfermeira e do Enfermeiro

Flroence Nightingale foi uma jovem que se rebelou contra o papel submisso que as mulheres exerciam na sociedade de sua época, destinadas ao casamento e à maternidade. Por isso, ela se tornou enfermeira, profissão normalmente exercida por freiras.

Ela se destacou por organizar e chefiar uma equipe de 38 enfermeiras voluntárias que atuaram na Guerra da Crimeia (1853-1856), onde tratavam dos soldados feridos. Depois, na volta ao Reino Unido, também desenvolveu grandes esforços para melhorar as condições de tratamentos médicos dados a pobres e indigentes.

Além disso, foi ela quem lutou para dar à atividade um caráter profissional, fundando a Escola de Enfermagem do Hospital Saint Thomas, que depois receberia seu nome. Lá foram lançadas as bases do ensino de Enfermagem, e de lá saíram as primeiras enfermeiras diplomadas.

Já no Brasil, entre 12 e 20 de maio, comemora-se a Semana da Enfermagem, que relembra outra mulher que se dedicou à mesma profissão, pioneiramente, em nossa terra: a baiana Ana Justina Ferreira Néri.

Nascida em 13 de dezembro de 1814, Ana Néri morreu em 20 de maio de 1880. Foi uma mulher de posses, que deixou uma vida tranquila para servir voluntariamente como enfermeira na Guerra do Paraguai (1865-1870), cuidando dos soldados brasileiros na frente de batalha.

Salvar esta página   Imprimir notícia   Enviar notícia por e-mail Visitas: 1601 | Impressões: 19
Compartilhar no Facebook

Notícias relacionadas

  • Nenhuma notícia relacionada

Rede Social


Copyright 2020 - Universidade do Estado de Mato Grosso
Av. Tancredo Neves, 1095 - Cavalhada III
78217-900 - Cáceres - Mato Grosso
PABX +55 (65) 3221-0000