VIVENDO A LÍNGUA ESTRANGEIRA NA ESCOLA: PIBID E O INGLÊS NOSSO DE CADA DIA

Lucas Rodrigues Souza, Wellington Dias Silva

Resumo


Este projeto foi realizado por meio do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) Letras/Inglês e atuou na rede pública estadual de ensino no município de Tangará da Serra no ano de 2017. Concernente aos objetivos do programa, este projeto buscou levar conhecimento e criticidade aos alunos dos anos finais do ensino fundamental. Levando em consideração o avanço da globalização e a forte influência do inglês em nosso país e em nosso cotidiano, visamos levar a reflexão sobre este ponto aos alunos, ao mostrar diversos produtos que utilizamos, cujas embalagens têm algo escrito em inglês. Essa forte influência percebida por todos se dá em razão do estrangeirismo, assunto que tem relevância e foi abordado em aulas dialogadas. O projeto, realizado com êxito, proporcionou aos alunos, além do conhecimento agregado, bem-estar e aulas diferenciadas, que renderam ótimos resultados.


Texto completo:

PDF

Referências


ASSIS-PETERSON, Ana Antônia de. Como ser feliz no meio de anglicismos: processos transglóssicos e transculturais. Trab. linguist. apl. [online]. 2008, vol.47, n.2, pp.323-340.

GONÇALVES, Claudia Aparecida Ferreira et al. O uso do estrangeirismo na língua portuguesa. Revela, Lisboa, v. 5, p. 1-32, 2011.

LIMA, Luciano Rodrigues. O uso de canções no ensino de Inglês como língua estrangeira; a questão cultural. Salvador: EDUFBa, 2004, v. 1, p 173 - 192.

OLIVEIRA, Luciano Amaral. Aula de Inglês: do Planejamento à Avaliação. São Paulo: Parábola Editorial, 2015.

SANTANA, Messias dos Santos. Estrangeirismos na Língua Portuguesa: Uma Visão Histórica. Cadernos do CNLF, Vol. XV, Nº 5, t. 2. Rio de Janeiro: CiFEFiL, 2011.

STEFANI, Gino. Para entender a música. Rio de Janeiro: Globo. 1987.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

_____________________________________________________________________________________________